ESCOLA SUL > LISTAR NOTÍCIAS > DESTAQUES > COMISSÃO DA OIT DEFENDE TRABALHO DECENTE CONTRA DESIGUALDADE

Comissão da OIT defende trabalho decente contra desigualdade

12/08/2017

CUTista é eleita vice-presidenta do grupo dos trabalhadores numa representação tripartite

Escrito por: CUT

Com objetivo de examinar e discutir estratégias, trocar experiências inovadoras e identificar atividades de cooperação, representantes de importantes instituições da América Latina e do Caribe participaram em San José, capital da Costa Rica da 43ª Reunião da Comissão Técnica do Centro Interamericano para o Desenvolvimento do Conhecimento em Formação Profissional (Cinterfor) da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que terminou nesta sexta (11).

Estiveram presentes cerca de 70 delegados e delegadas da América Latina, Caribe, Espanha, entre outros. A delegação sindical contou com representantes de Argentina, El Salvador, Chile, Brasil, Colômbia, Panamá, Uruguai, Costa Rica, Guatemala, Espanha. A CUT Brasil participou do evento, representada pela secretária Nacional de Formação, Rosane Bertotti.  Ela foi eleita Vice-presidenta do grupo dos trabalhadores, para conduzir a assembleia numa representação tripartite, com um representante dos governos e outro dos empregadores.

Rosane Bertotti na 43º Reunião da Cinterfor

Segundo Rosane Bertotti, “no momento de grande desemprego e de enormes ataques aos direitos dos trabalhadores em toda a América Latina, o diálogo social e a articulação com os trabalhadores de outros países fortalecem a nossa resistência e luta. A definição de parâmetros para formação profissional no âmbito da OIT para os próximos dois anos,  considerando o trabalho decente como centro,  é fundamental para o fornecimento das organizações sindicais e  enfrentamento das desigualdades”.

 

Para a dirigente da Central Sindical das Américas (CSA), Amanda Villatoro, "a formação profissional deve estar alinhada com o desenvolvimento sustentável. Nesse sentido, nós resgatamos a formação de qualidade e com valores, onde o aluno é qualificado e empoderado para o trabalho decente. Toda proposta para o desenvolvimento econômico deve ter como fim a melhoria das condições de trabalho e de vida dos trabalhadores, trabalhadoras e dos povos. Por isso, rejeitamos qualquer enfoque meramente mercantil e instrumental da formação profissional”.

Ao final da atividade foi aprovada uma carta sobre as perspectivas sindicais sobre a formação profissional nos debates sobre o futuro do trabalho que você pode acessar aqui.

 

 

O que é o Cinterfor

Desde 1963, o Centro Interamericano para o Desenvolvimento do Conhecimento em Formação Profissional (OIT / Cinterfor) é pioneiro na gestão, na construção coletiva do conhecimento e na promoção da cooperação Sul-Sul em questões relacionadas ao desenvolvimento dos recursos humanos.

É um centro especializado da OIT e coordena a maior e mais prestigiada rede de organizações e instituições públicas e privadas dedicadas ao fortalecimento competências laborais.

Esta rede, constituída por mais de 65 organizações de 27 países da América Latina, Caribe, Espanha e África, está ativamente envolvido na atualização contínua da plataforma de gestão de conhecimento que está disponível para o mundo da formação profissional.

 

  • Imprimir
  • w"E-mail"
  • Compartilhe esta noticia
  • FaceBook
  • Twitter

Conteúdo Relacionado

TV CUT
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista
Tutorial: Saiba como participar da campanha pela anulação da Reforma Trabalhista

#AnulaReforma

RÁDIO CUT
Rede Brasil Atual

Todos os Direitos Reservados © Escola Sul | Tel: (48) 3266.7272 – 3266.5647
Av. Luiz Boiteux Piazza, 4810 - Florianópolis – SC